Desafios e perspectivas para 2022

Compartilhe
Imagem: Reprodução Internet

Em sua última coluna São Paulo em Foco de 2021, o vice-presidente da CUT-SP, Luiz Claudio Marcolino, faz retrospectiva das ações de resistência da Central em defesa dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras.

“A nossa luta, a nossa organização por emprego, salário, renda se mantiveram presentes todo o ano. Em 2022, não será diferente. Temos a esperança de um ano melhor, a esperança de diminuir a fome, a carestia que nosso país está passando por culpa do governo Bolsonaro.”

Marcolino também ressalta que a vida das pessoas se modifica por meio da política. “Precisamos pensar no ano que vem, ano das eleições, qual Estado queremos, qual país queremos. Eu, por exemplo, não quero esse país que se apresenta hoje – um país da miséria, do desemprego, que está desmontando o patrimônio público. Quero aquele país que o povo tinha perspectiva, conseguia planejar a compra de um carro, de uma casa. O Brasil e um Estado de São Paulo que respeitavam os direitos, aos cidadãos, os trabalhadores.”

A Coluna São Paulo em Foco, com comentários de Marcolino, é sempre às quartas-feiras, a partir das 17h15, na Rádio Brasil Atual 98,9FM – https://www.redebrasilatual.com.br/radio/