Conta de luz fica ainda mais cara com aval do governo

Compartilhe

Além do aumento dos combustíveis, a população paulista também terá que enfrentar o aumento de suas contas básicas.

Com o aval do governo federal, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou o reajuste das tarifas da conta de luz de São Paulo. A medida passa a valer em todo o estado a partir de 4 de julho.

O aumento da conta de luz da Enel Distribuição São Paulo (Enel SP) será em média de 12,04%, sendo 10,01% para consumidores residenciais. Para os consumidores de alta tensão com grande demanda de energia (como indústrias), o aumento é de 18,03% e para os consumidores de baixa tensão (em geral residências e pequenos negócios), a alta é de 10,15% –  todos em média.